Letra e Música – Gondola e Barcos


Só, quando a terra dorme solitária e ergue-se à meia-noite, branca, a lua, e a brisa geme cantos de tristeza na rama do pinheiro, que flutua; e quando o orvalho pende do arvoredo que se debruça p’ra beijar o rio, e as estrelas no céu cintilam lânguidas — Pérolas soltas de um colar sem fio; então eu vou sentar-me sobre a relva, eu vou sonhar meus sonhos ao relento, e só conto o segredo de minh’alma das horas mortas ao tristonho vento.

Meu segredo? É o canto de poesia que suspirou saudoso o gondoleiro, que vai morrer gemente sobre as praias. Da despedida pranto derradeiro — mais aéreo que as vozes da sereia — alta noite — sentada sobre a areia.

SEGREDOS
(Frejat)

Eu procuro um amor
Que ainda não encontrei
Diferente de todos que amei…

Nos seus olhos quero descobrir
Uma razão para viver
E as feridas dessa vida
Eu quero esquecer…

Pode ser que eu a encontre
Numa fila de cinema
Numa esquina
Ou numa mesa de bar…

Procuro um amor
Que seja bom pra mim
Vou procurar
Eu vou até o fim…

E eu vou tratá-la bem
Pra que ela não tenha medo
Quando começar a conhecer
Os meus segredos…

Hum! Hum! Huuuum!…

Eu procuro um amor
Uma razão para viver
E as feridas dessa vida
Eu quero esquecer…

Pode ser que eu gagueje
Sem saber o que falar
Mas eu disfarço
E não saio sem ela de lá…

Procuro um amor
Que seja bom pra mim
Vou procurar
Eu vou até o fim…

E eu vou tratá-la bem
Pra que ela não tenha medo
Quando começar a conhecer
Os meus segredos…

Hum! Hum! Huuuum!…
Hum! Hum! Huuuum!…

Procuro um amor
Que seja bom pra mim
Vou procurar
Eu vou até o fim…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: