Notícias que (não) vão mudar a sua vida


Estava na capa de um jornal carioca, essa semana:

“Mulher-Jaca bota silicone e fica livre dos sutiãs com enchimento”

Eu juro que queria fazer uma análise sobre essa notícia, e o quanto ela é representativa dos nossos tempos. Assim como o significado desse fato ser manchete de capa de um jornal, mesmo sendo do jornal que era. Mas, admito, está além da minha capacidade.

Um outro jornal, que tem reputação de ser um pouco mais sério, publicou uma entrevista com a “prima” da Jaca, a Mulher-Melancia. E a vegetabilíssima senhorita não deixou por menos e lascou:

“Amiga, é melhor tu ser solteira do que ser chifruda. Porque homem a gente escolhe, quando enjoa, a gente muda. Se ele tenta te amarrar, é só dar um pé na bunda. Eu vou pegar quem eu quiser, mas também não sou bagunça. O meu lema é esse aqui: solteira, sim, sozinha nunca.”

Vamos aproveitar os conselhos da Mulher-Melancia, essa guru da sociedade brasileira moderna. E vamos todos dar (ou levar) créu, tá ligado?

*   *   *   *   *   *   *   *   *   *

No mês passado, três das revistas brasileiras mais vendidas do segmento feminino apresentavam as seguintes manchetes de capa:

“Transar no primeiro encontro – às vezes é melhor não. Aprenda a reconhecer os homens com quem você deve se segurar.”

“Depoimento: O dia em que comprei meu primeiro vibrador”

“8 posições para o orgasmo – testamos e contamos como chegar lá”

“Teste: você é boa de cama?”

“Traição faz bem ao casamento? Leitoras dizem que sim.”

Bem, essas publicações são voltadas para mulheres maduras, claro. E mulheres maduras e modernas se sentem muito bem discutindo esses temas. Que tal, então, olharmos as revistas que lideram as vendas do segmento adolescente? Nestas revistas, cujo público alvo são meninas de 11 a 17 anos, há sempre uma seção de tira-dúvidas. E quais são as dúvidas que assaltam a mente dessas garotas?

“Meu namorado quer fazer sexo anal, mas eu tenho medo de sentir dor. Será que eu tento?”

“Estou sem transar há dois meses. Há algo errado comigo?”

“Tenho 16 anos e ainda sou virgem. Minhas amigas me zoam por ser a única da turma que ainda não transou. O que devo fazer?”

Também há as enquetes, com temas adequados a meninas de 11 a 17 anos:

“Você já transou na sua casa?”

“Você já transou com mais de um garoto ao mesmo tempo?”

“Você sabe reconhecer um orgasmo?”

“Você já transou com caras de mais de 30?”

“Transa sem compromisso com amigos: como fica o clima depois?”

*   *   *   *   *   *   *   *   *   *

O créu é o mesmo. Só muda o verniz.

Anúncios

2 Responses to Notícias que (não) vão mudar a sua vida

  1. Carol disse:

    Enquanto isso, da “Revista do Globo” do Correio Braziliense de ontem discutia-se a “nova moda de todos os tempos da última semana”: as periguetes.
    (Sim, as notícias demoram a chegar aqui. Semana que vem devem anunciar a chegada da pílula.)
    E uma frase lapidar de uma entrevistada: se estou solteira e o cara casado está na balada não é problema meu.
    (não! eu juro! não fui eu quem disse! hehehehehe.)
    Ainda escrevo sobre isso. Aproveito e menciono vc. Quem sabe assim vc aparece, responde os emails que eu mando e tal.
    😉
    Vc já foi… ah, vc sabe.
    Bjs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: