Tão amigos que eles são…


Mário Soares, ex-primeiro ministro e ex-presidente de Portugal, em entrevista ao Diário Digital:

No plano internacional, o ex-Presidente da República fala também da Venezuela e Hugo Chávez, um presidente que, sublinha, «foi eleito democraticamente» e com quem é preciso dialogar, pois, «é a falar que as pessoas entendem».

Quanto ao encerramento de um canal de televisão incómoda para o presidente venezuelano, Mário Soares contrapõe que Chavez «não fechou um canal de televisão. Apenas, no final da concessão, não lhe renovou a licença.»

De resto, refere, «era um canal de uma imensa agressividade e impertinência para com o Presidente da República eleito. Vi em Caracas algumas emissões e sei o que era.».

Os iguais se reconhecem, ao que parece. Alguém mais mauzinho poderia dizer que é a idade, que não se pode mais levar a sério o que o homem diz. Mas não. Os 80 anos de Mário Soares não são desculpa. Ele já era assim desde sempre…

Fonte: O Insurgente

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: