O mundo como idéia


Naqueles tempos, homens e elfos viviam em harmonia na Terra Média. Apesar de suas diferenças, eram todos filhos de Iluvatar, criados na mesma melodia, amantes da mesma beleza. Até que veio a Era de Sauron. Os orcs se espalharam por todos os lados. A escuridão cobriu aquelas terras, outrora brilhantes.

Os homens se dividiram. Alguns deles, levados pela cobiça, pela atração do poder, se uniram às forças de Sauron. O mal se espalhava cada vez mais. A beleza desaparecia, e só ficava em seu lugar a sombra negra que se estendia a partir de Mordor.

Um a um, os Elfos caíram. Aquele mundo não lhes servia mais. Eles estavam dispostos a combater os orcs. Mas, quando os próprios homens se aliaram ao mal, os Elfos sentiram que estavam lutando uma batalha perdida. Estavam lutando por uma terra que não era a deles, em nome de seus donos que não queriam lutar.

Um a um, os Elfos foram se retirando. Alguns embarcaram nos Portos Cinzentos, partindo de volta para uma terra onde o bom e o belo ainda dominam o ambiente. Outros, mais esperançosos, se retiraram para Valfenda, à espera de tempos melhores.

Os Elfos de Valfenda não eram confiantes a ponto de esperar que Sauron fosse embora sem luta. O que eles chamavam de “tempos melhores”, na verdade, eram tempos ainda piores. Aquela hora em que tudo ficasse tão negro, mas tão negro, que fizesse pelo menos alguns dos homens acordarem da letargia e recuperarem a vontade de lutar. Aquela hora em que alguns homens percebessem que ainda não eram orcs, que ainda tinham a capacidade humana de combater o mal.

Nessa hora, Elfos e algum Mago perdido que “nunca deixasse de acreditar” estariam a postos, e saberiam cumprir o seu dever. E, do outro lado, haveria homens e hobbits, cada um fazendo a sua parte na luta contra o Mal, por menor que ela possa parecer.

************************************

Depois de um ano sabático, que se estendeu por quase dois, declaro reaberto o QsQ. 🙂

 

Os bons vi sempre passar

No mundo graves tormentos;

E para mais me espantar,

Os maus vi sempre nadar

Em mar de contentamentos.

 

Cuidando alcançar assim

O bem tão mal ordenado,

Fui mau, mas fui castigado.

Assim que, só para mim,

Anda o mundo concertado.

Anúncios

One Response to O mundo como idéia

  1. Bina disse:

    Esse template me lembra um certo blog :-p
    Ainda pensa em Camões? Sabe que andei sentindo falta disso outro dia? :-p

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: